Lançada campanha do Dia Nacional do Estudante

No âmbito das Comemorações do Dia Nacional do Estudante, foi lançada a campanha que procura dar a conhecer os problemas que os estudantes do Ensino Superior enfrentam
Todos os anos, a 24 de março, os estudantes celebram o Dia Nacional do Estudante com o intuito de recordar as dificuldades e obstáculos enfrentados na década de 60, aquando da crise académica vivida em Portugal. Para as celebrações deste ano, o movimento associativo nacional organizou uma campanha de sensibilização, que pretende alertar para a falta de diálogo dos diversos atores políticos e agentes do Ensino Superior com os estudantes.

Para o movimento associativo estudantil, responsável por esta mesma campanha – constituída por algumas das principais Federações e Associações Académicas e de Estudantes do país -, assiste-se hoje a uma falta de visão e estratégia governativa relativamente ao Ensino Superior. Os estudantes têm vindo a mostrar-se frequentemente desapontados com a postura adotada pelo Ministério, que não tem efetivado as soluções e recomendações dos estudantes. Surge assim a ideia para a campanha que marca o mês de março deste ano – reivindicar respostas e tomadas de consideração.
A apresentação do relatório preliminar da OCDE no passado dia 9 de fevereiro só veio, por isso, dar ainda mais força a esta campanha. “Foi assim que tivemos a confirmação de que a nossa voz não estava a ser ouvida”, explicam os estudantes por trás desta iniciativa. O facto de a grande maioria das conclusões apresentadas pela OCDE, no âmbito da avaliação ao sistema de Ensino Superior, Inovação e Desenvolvimento, irem ao encontro de soluções já antes propostas pelo movimento associativo nacional e, consequentemente, ignoradas foi a gota de água.
Nas próximas semanas, os estudantes pretendem então, com uma comunicação simples mas celebrativa, dar a conhecer algumas das problemáticas identificadas no Ensino Superior e que continuam a carecer de resolução. É uma campanha lançada pelas redes sociais, onde os jovens passam grande parte do seu tempo, e que permitirá divulgar algumas das fragilidades que afetam diariamente os estudantes do Ensino Superior, versando sobre 3 temas considerados prioritários: Rede de Ensino Superior, Abandono e Ação Social e Financiamento e Investigação.
A campanha promovida pelas Federações e Associações Académicas e de Estudantes terá como protagonistas os estudantes e terá como principal mote “Sabias que?”, com o objetivo de elucidar os mesmos para temáticas que têm vindo a ser descartadas pela tutela no que toca ao Ensino Superior. A utilização da hashtag “#eusei” pretende transmitir a mensagem de que os estudantes conhecem melhor os seus problemas do que quem tutela as pastas da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior.
Para o dia 24 de março, os responsáveis estudantis já solicitaram uma audiência com o Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, o Primeiro-Ministro, António Costa e com Manuel Heitor, Ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, que pretendem receber em Portalegre dando o sinal claro de que o interior do país também é uma prioridade para as Federações e Associações Académicas e de Estudantes.

Xº Torneio de Judo da AAUAv

Clica para ver o artigo completo.

Portal do Emprego da UA

Clica no link.

Treino de Captação de Basquetebol Masculino
És o próximo LeBron James e queres brilhar na Academia de Campeões?Agarra já o momento ideal para mostrares o que...
AAUAv comemora dia Mundial do Judo

Clica no Link para saber mais

footer_final-06
footer-07

univercidade@aauav.pt

Associação Académica da Universidade de Aveiro

Scroll Up