Tiago Pires

Surfista do Circuito Mundial

Entrevista
- Surfista do Circuito Mundial

Tiago Pires levou o surf português ao mais alto nível, tendo entrado na elite dos melhores do mundo! “Saca”, também assim conhecido, dá entrevista exclusiva à Revista Matriz, falando-nos um pouco sobre a sua experiência e vivências profissionais e do surf, enquanto desporto e negócio em expansão na economia portuguesa.
Quando se fala de surf em Portugal, fala-se em Tiago Pires. Quem é o Tiago, “Saca”, para além do surfista? O que há por de trás da prancha?

Por de trás da minha prancha existe um ser humano que gosta muito de se relacionar com pessoas, especialmente com a minha família e amigos. Gosto muito de arquitetura e design, gastronomia e conhecer cidades e metrópoles pelo mundo fora.
Como se vive dentro de um circuito mundial?
Vive-se numa bolha em que somos quase uma espécie de família nómada que viaja em bando pelo mundo inteiro e sempre juntos. Para além disso, acabamos também por nos fecharmos muito do mundo social que nos rodeia, pois adquirimos rotinas de treino e de descanso que se incompatibilizam com a maior parte das pessoas à nossa volta.
Portugal tem uma costa marítima extensa. Estará a ser bem aproveitada no que respeita à exploração eficiente e sustentável dos recursos?
Penso que pelo menos a mentalidade já se virou para aí. Portugal já percebeu que é riquíssimo em termos de recursos naturais e que consegue tirar um bom proveito se os tratar bem, por isso acredito que daqui em diante a gestão desses ditos recursos como é o caso da nossa costa seja cada vez mais cuidada. O surf é uma prova disso mesmo, um desporto que tem evoluído muito na última década e que já começa a contribuir para o PIB do nosso país!
É preciso alguma perseverança e alguma paciência pois as coisas nem sempre correm como estamos à espera, mas conforme vamos adquirindo experiência também as coisas se vão tornando mais fáceis.
O Tiago tem um negócio local, uma escola de surf na Ericeira. Qual o perfil dos seus alunos?

Temos uma carteira de alunos bem variada, mas sem dúvida que desde que abri a escola a minha vontade foi sempre de trabalhar com as camadas mais jovens. Hoje em dia temos miúdos que já estão connosco há mais de 4 anos e continuam a vir todos os meses do ano. Temos também o cliente turista que muitas vezes vem com a família e acabam por se juntarem todos, o que nos deixa muito orgulhosos do nosso tipo de trabalho.
Quais as competências e motivações que considera essenciais na prática deste desporto?

Ter uma mente aberta e uma capacidade de adaptação bem grande. O surf é um desporto que se pratica no mar e não há uma onda igual à outra. Ao início pode parecer um desporto muito complicado mas não o é. É preciso alguma perseverança e alguma paciência pois as coisas nem sempre correm como estamos à espera, mas conforme vamos adquirindo experiência também as coisas se vão tornando mais fáceis.
Para o Tiago, o que é sucesso?

O sucesso para mim é lograr-mos um objectivo que estipulamos para nós próprios.

Assinatura do Protocolo de Colaboração CMA/UA/AAUAv/ESN

Clica para ver o artigo completo!

ENDA Algarve 2018
ENDA Algarve 2018A Direção da Associação Académica da Universidade de Aveiro marcou presença no Encontro Nacional de Direções Associativas (ENDA),...
Auditório Renato Araújo recebe “QUIM ROSCAS E ZECA ESTACIONÂNCIO” em dia de declarações de Amor
Auditório Renato Araújo recebe “QUIM ROSCAS E ZECA ESTACIONÂNCIO” em dia de declarações de AmorEspetáculo de stand-up comedy decorre dia...
AAUAv presente em Viseu com Equipa de Formação

Clica no Link para ler o artigo completo!

footer_final-06
footer-07

univercidade@aauav.pt

Associação Académica da Universidade de Aveiro

Scroll Up