Direção da AAUAv aprova duas moções em ENDA Lisboa 2017

Nos dias 16 e 17 o Movimento Associativo Estudantil Nacional do Ensino Superior, esteve reunido com o intuito de debater posições acerca do Ensino Superior em Portugal. 
A Associação Académica da Universidade de Aveiro foi proponente, com diversas estruturas em duas moções, que foram aprovadas.

A primeira versava sobre o cumprimento dos contratos-programa celebrados com as Instituições de Ensino Superior (IES) e exigia que sejam desbloqueadas as verbas.

A segunda referia-se pela Defesa do Direito à Liberdade e criticava a posição e postura dos órgãos da FDL e a atuação da PSP, no passado dia 12 de Dezembro de 2017.

Durante o seguimento do ENDA, torna-se importante destacar também a aprovação da exigência de eliminação das taxas de inscrição e de cobrança de diplomas, bem como, a fixação da propina parcial num valor máximo de 50% ao valor cobrado a tempo integral.

Para além de toda a discussão envolvente, os delegados ao ENDA, representantes das diversas estruturas associativas estudantis do país, debruçaram-se sobre temas como o Regime Jurídico das Instituições de Ensino Superior; o Financiamento e Organização do Sistema de Ensino Superior; os Órgãos Nacionais; e por fim Ação Social nos diversos subsistemas de Ensino Superior.

footer_final-06
footer-07

univercidade@aauav.pt

Associação Académica da Universidade de Aveiro

Scroll Up